DOAR AGORA

CAPA apoia instalação de internet em comunidades kilombolas

Notícias

CAPA apoia instalação de internet em comunidades kilombolas
4 de abril de 2022 zweiarts

Ação busca inclusão das comunidades e participação em espaços de discussão durante a pandemia

A pandemia de Covid-19 trouxe muitos desafios, como novas formas de estudar, trabalhar e manter os espaços de diálogo e discussão, considerando a necessidade do distanciamento social. Para as populações mais vulneráveis ou com menos acesso as tecnologias, o impacto e a falta de oportunidade de participação nestes espaços foram ainda maiores. Por isso, a FLD/CAPA Pelotas, através da Agência Internacional Brot Für die Welt (Agência Pão Para o Mundo), apoiaram a instalação de dez pontos de internet em comunidades kilombolas.

Reunião virtual do Conselho Municipal de Assistência Social de Pelotas, com a participação do Presidente da Comunidade Kilombola do Algodão, Nilo Dias

Reunião virtual do Conselho Municipal de Assistência Social de Pelotas, com a participação do Presidente da Comunidade Kilombola do Algodão, Nilo Dias

A ação teve como principal objetivo possibilitar que as famílias kilombolas pudessem participar de reuniões, espaços de debate e discussão, que muitas vezes tem acontecido de maneira online. Segundo o Coordenador Geral do CAPA Pelotas, Roni Bonow, a ação permite a participação mais efetiva dos moradores das comunidades, que muitas vezes não podiam participar pela precariedade do sinal ou falta total de acesso à internet. “A instalação de internet nas comunidades possibilita a inclusão digital e a participação em reuniões e diferentes espaços de tomada de decisões como conselhos e fóruns, mas ainda se fazem necessários processos de formação para o uso das diferentes plataformas de reuniões e ambientes virtuais, ação que também está prevista para os próximos meses”, explica Roni.

De acordo com Marta Madeira, Presidente da Comunidade Kilombola Madeira, do município de Jaguarão, a internet na comunidade é bastante importante, pois garante que ela e os demais moradores possam participar de atividades em diversas áreas, principalmente nos espaços públicos de discussão de políticas públicas, que ainda estão acontecendo em grande parte de forma remota, além de diminuir os custos e o tempo gasto com deslocamentos, já que a comunidade fica distante do município de Jaguarão. “A instalação da internet aqui no kilombo foi muito importante, porque eu posso me comunicar com as pessoas de longe, falar com a minha família, mostrar a minha plantação e ver a dos outros. Posso também participar de reuniões online, porque no ano passado eu perdi muitas, posso estudar e pesquisar sobre políticas públicas destinadas para a comunidade, aprender sobre artesanato. A instalação da internet para nós foi muito importante”, completou Marta.

A instalação contemplou as comunidades kilombolas de Medeiros, Moçambique, Boqueirão e Cerro das Velhas, em Canguçu; Comunidade Tio Dô, em Santana da Boa Vista; Comunidade do Algodão, em Pelotas; Comunidades Coxilha Negra e Monjolo, no município de São Lourenço do Sul; Serrinha do Cristal, em Cristal; e a Comunidade Madeira, em Jaguarão.

Internet sendo instalada na Comunidade Kilombola Medeiros, em Encruzilhada do Sul/RS

A atuação em espaços de incidência permaneceu como uma ação importante e estratégica do apoio da FLD/CAPA às comunidades kilombolas. No ano de 2021 apenas cinco comunidades participaram de forma virtual, porém isto representou a atuação em 11 espaços de incidência e de construção de políticas públicas, através de 32 reuniões e encontros. A expectativa para 2022 é que essa ação possa ampliar significativamente a participação das comunidades em diferentes espaços de tomada de decisão.

Ao longo dos últimos anos, as comunidades contempladas também já vêm recebendo assessoria através do apoio da Evangelical Lutheran Church in America (Igreja Evangélica Luterana na América) e o acesso à internet pelas comunidades qualifica as ações e fortalece o protagonismo e o empoderamento das pessoas kilombolas.