Notícias

Notícias

Calda bordalesa é tema de oficina em Diamante D’Oeste

A atividade foi feita com o grupo de famílias que produzem alimentos agroecológicos no assentamento Ander Rodolfo Henrique

O Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia (CAPA), núcleo de Marechal Cândido Rondon, promoveu oficina sobre calda bordalesa no assentamento Ander Rodolfo Henrique, em Diamante D’Oeste. A atividade foi feita com o grupo de famílias que produzem alimentos agroecológicos na área, no último dia 17 de março.

Segundo a assessora técnica Marcia Fagundes, responsável pelo trabalho, a calda bordalesa é bastante utilizada na agricultura orgânica contra doenças causadas por fungos. “A preparação caseira compensa pela eficiência e economia”, afirma.

O grupo de orgânicos do assentamento foi formado há cerca de um ano. “Como nosso trabalho com as famílias é relativamente recente, algumas práticas de combate a pragas e doenças ainda precisam ser difundidas”, explica. 

Uma das receitas do insumo mais difundidas, é a disponibilizada pela Embrapa. Acesse aqui.


 

Texto: Diangela Menegazzi
Fotos: Marcinha Fagundes e Marayza Raupp