CENTRO DE APOIO E PROMOÇÃO DA AGROECOLOGIA

Notícias

​Lei cria Semana do Alimento Orgânico em Erexim

23-06-2016

Erexim/RS - Vereadores de Erexim aprovaram o projeto que institui a Semana do Alimento Orgânico e Agroecológico, proposto pelo presidente da casa, vereador Lucas Farina, por inciativa do Núcleo Regional de Agroecologia do Alto Uruguai, do qual o Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia (CAPA)/Núcleo Erexim faz parte, junto com vários outros segmentos da sociedade.

Lucas destaca que a Semana do Alimento Orgânico e Agroecológico é uma campanha nacional coordenada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento em parceria com os Ministérios da Ciência,Tecnologia e Inovação, do Desenvolvimento Agrário, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, da Educação, da Fazenda, do Meio Ambiente,da Pesca e Aquicultura, da Saúde, da Secretaria Geral da Presidência da República, entre outras organizações governamentais e não governamentais.

O objetivo da campanha é estimular e diversificar o potencial agrícola local com a cultura da produção de alimentos livres de defensivos, mas também inserir os alimentos oriundos da agricultura orgânica nas feiras regionais, na alimentação escolar e no comércio em geral. Ainda, visa a promoção do produto orgânico e a conscientização dos consumidores sobre os princípios agroecológicos que regem a produção orgânica.

“Princípios que buscam valorizar a produção de alimentos e outros produtos necessários ao homem de forma mais harmônica com a natureza, que contribuam para a saúde de todos e para que haja justiça social em todos os segmentos de sua rede de produção”, diz o vereador.

A Semana de Alimento Orgânico e Agroecológico, realizada nacionalmente desde o ano de 2005, representou o início de um trabalho articulado entre organizações governamentais e não governamentais com o objetivo de aproximar produtores e consumidores na busca da construção de relações de consumo, pautadas no comércio justo e na melhoria da qualidade de vida no campo e na cidade.

A campanha vem promovendo diversos eventos como seminários, palestras, exposição e degustação de produtos, panfletagem, divulgação em mídia impressa e audiovisual, rodas de conversa, eventos educativos, culturais, visita de campo, dentre outras.

Lucas lembra que a partir de 2015, a Semana do Alimento Orgânico e Agroecológico foi um marco de partida da Campanha de Valorização da Produção Orgânica que está sendo desenvolvida ao longo de todos os anos.

“Baseado no que está sendo realizado em nível de Brasil e de estado, nos sentimos desafiados em criar a campanha, também, aqui no município, visto que existem vários agricultores que aqui já produzem alimentos orgânicos e é uma forma de estimular outros produtores a aderirem à iniciativa”.

O lançamento anual da campanha foi fixado para ocorrer sempre na última semana de maio, que em 2016 se deu entre os dias 28 de maio de 05 de junho. O slogan aborda a educação formal e não formal, como aspecto central relacionado aos diversos princípios agroecológicos, como promotora da saúde, da segurança alimentar e nutricional, do desenvolvimento sustentável, com respeito ao meio ambiente e à qualidade de vida do trabalhador rural e do consumidor.

Texto e foto: Julio Mocellin/Fonte: http://auonline.com.br